Restrição de acesso à Câmara de Toledo visa segurança sanitária, diz Zóio

por Paulo Torres publicado 28/05/2020 15h21, última modificação 28/05/2020 15h21
“Todos estão preocupados com o que vem acontecendo no país e no município, com o aumento dos números da pandemia”, afirmou o presidente da Câmara de Toledo, Antônio Zóio, sobre as novas medidas em relação à covid-19. “Tomamos esta medida por isso, para prevenção e segurança da população e gostaríamos que a população entendesse que todas as medidas são de grande importância e são medidas para não haver aglomeração” afirma o presidente da Câmara, esclarecendo que os trabalhos continuam. “Apesar disso, o Poder Legislativo está a todo vapor”, afirma Antônio Zóio, explicando que as atividades na Câmara de Toledo estão sendo feitas com as portas fechadas, mas com comunicação direta e intensa via redes sociais e de forma on-line.
Restrição de acesso à Câmara de Toledo visa segurança sanitária, diz Zóio

Prédio teve acesso restrito mas atividades continuam com redes sociais, audiências de contas, mensagens de áudio, vídeo e texto

 

 

 

“Todos estão preocupados com o que vem acontecendo no país e no município, com o aumento dos números da pandemia”, afirmou o presidente da Câmara de Toledo, Antônio Zóio, sobre as novas medidas em relação à covid-19. A doença declarada pandemia pela Organização Mundial da Saúde devido à sua rápida disseminação geográfica desde sua identificação na China no final do ano causou a primeira morte de paciente com suspeita do coronavírus Sars-Cov-2, confirmada no domingo, dia 23, além de ter se elevado a 20 casos suspeitos no município. “Tomamos esta medida por isso, para prevenção e segurança da população e gostaríamos que a população entendesse que todas as medidas são de grande importância e são medidas para não haver aglomeração” afirma o presidente da Câmara de Toledo.

Apesar disso, o Poder Legislativo está a todo vapor”, afirma Antônio Zóio, explicando que as atividades na Câmara de Toledo estão sendo realizadas com as portas fechadas, mas com comunicação direta e intensa via redes sociais e de forma on-line, através de mensagens de áudio e de vídeo, além de texto. Para isto está operando a estrutura representada pelos vereadores, servidores, assessores e estagiários, todos os gabinetes e a parte administrativa da Câmara de Toledo, com apoio de ferramentas digitais. “Todas as audiências podem ser acompanhadas pelo canal da Câmara no Youtube, com manifestações através do chat”, informa o presidente da Câmara de Toledo, destacando que se trata de um mecanismo moderno e seguro ao permitir a comunicação mesmo sem a proximidade física e os riscos que gera.

O Ato n° 28, do dia 27, publicado na mesma data no Diário Oficial Digital, alterou dispositivos do Ato nº 26, fixando a vigência de 30 dias para as medidas, contados a partir da sua publicação, podendo o prazo ser prorrogado pela Mesa da Câmara. Além disso a medida excluiu da restrição de eventos nas dependências da Câmara Municipal de Toledo a realização das audiências públicas de prestação de contas, além de liberar o acesso a elas dos servidores designados pelo Poder Executivo, bem como dos membros do Conselho Municipal pertinente à matéria da audiência.

 

 

Toledo tem primeira morte com suspeita de covid-19

 

Toledo teve registrada a primeira morte com suspeita de ter sido causada pela pandemia, segundo nota da Secretaria da Ssaúde divulgada na manhã de domingo, dia 23, tratando-se de uma mulher de 29 anos, que apresentava fatores de risco relacionados à imunidade, moradora da cidade. Ela foi internada no Pronto Atendimento Municipal Doutor Jorge Milton Nunes, o Mini Hospital, em 20 de maio e no dia seguinte precisou ser transferida para o Hospital Bom Jesus. A morte ocorreu na noite de domingo, apesar dos esforços da equipe que atua na ala Covid do hospital, relatou a Secretaria da Saúde.

Até a tarde de sábado, dia 22, foram notificados 167 casos no município. Destes, 140 já foram descartados. Dez casos ainda aguardam o resultado e 17 foram confirmados, dos quais quatro já estão recuperados.

Outras duas mortes relacionadas à Covid foram registradas no Hospital Bom Jesus, sendo a primeira de um homem de 81 anos, caso suspeito de Covid-19, morador de Cascavel e outro de 62 anos, morador de Corbélia.

 

Toledo tem 20 casos com exames

Toledo atingiu 20 casos diagnosticados como Covid-19 no município, segundo informação divulgada na quarta-feira, dia 27, pelo COE-Centro de Operações Emergenciais, através da sua presidente, Denise Liell, e do seu porta voz, o médico Fernando Pedrotti, durante live oficial transmitida da Secretaria Municipal de Comunicação Social

O primeiro caso divulgado é de uma mulher de 28 anos, que apresentou sintomas de tosse seca no dia 15 de maio. Ela é contactante de caso confirmado, coletou exame para teste RT-PCR e teve resultado confirmado positivo na quarta-feira. 

O segundo caso é de uma senhora de 51 anos, com início dos sintomas de febre e desconforto respiratório no dia 18 de maio. Ela também teve contato com caso confirmado, coletou RT-PCR e teve resultado positivo. 

O terceiro caso é de um senhor de 63 anos, com início dos sintomas de febre, cefaléia, mialgia e congestão nasal no dia 5 de maio. Com histórico de viagens a trabalho para São Paulo nos dias 27 de abril e 5 de maio, ele retornou em 3 e 9 de maio, respectivamente. Realizado Teste Rápido, o resultado foi positivo.

Os três pacientes estão evoluindo bem, além de estarem todos em isolamento e monitoramento domiciliar”, informou o médico Fernando Pedrotti.

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.