Prefeito eleito vem à Câmara e usa tribuna: “Somos todos Toledo”

por Paulo Torres publicado 16/11/2020 16h25, última modificação 17/11/2020 15h07
A sessão da Câmara de Toledo nesta segunda-feira, dia 16 de novembro, contou com a presença do prefeito eleito Beto Lunitti, além dos vereadores eleitos Beto Scain (MDB), Chumbinho Silva (PP) e Gilson Francisco(Cidadania), além do ex-presidente da Câmara, Wilmo Marcondes, lideranças e populares. O presidente da Câmara, Antônio Zóio, abriu excepcionalmente espaço na sessão para o prefeito eleito, o qual falou ao público presente e anunciou a transição. Beto Lunitti, que alcançou 23.808 votos nas eleições de domingo, dia 15, ou 33,72% dos votos, saudou o seu vice-prefeito eleito, vereador Ademar Dorfschmidt, bem como aos demais vereadores e vereadoras e a população. “Terminou a eleição, agora somos todos Toledo”, afirmou o prefeito eleito.
Prefeito eleito vem à Câmara e usa tribuna: “Somos todos Toledo”

Prefeito eleito Beto Lunitti saúda o secretário da Mesa, Leoclides Bisognin

 

A sessão da Câmara de Toledo nesta segunda-feira, dia 16 de novembro, contou com a presença do prefeito eleito Beto Lunitti, além dos vereadores eleitos Beto Scain (MDB), Chumbinho Silva (PP) e Gilson Francisco(Cidadania), além do ex-presidente da Câmara, Wilmo Marcondes, lideranças e populares. O presidente da Câmara, Antônio Zóio, abriu excepcionalmente espaço na sessão para o prefeito eleito, o qual falou ao público presente e anunciou a transição. Beto Lunitti, que alcançou 23.808 votos nas eleições de domingo, dia 15, ou 33,72% dos votos, saudou o seu vice-prefeito eleito, vereador Ademar Dorfschmidt, bem como aos demais vereadores e vereadoras e a população. “Terminou a eleição, agora somos todos Toledo”, afirmou o prefeito eleito. E disse que já manteve contato com o prefeito Lucio de Marchi e espera realizar a transição como foi feito ao final de sua gestão como prefeito, quando manteve contato com o então prefeito eleito Lucio de Marchi para organizar a transição de governo.

Fortemente aplaudido pelo público presente, o prefeito eleito de Toledo disse que agora todos são por Toledo e que a primeira reunião de transição deve ser definida pelo prefeito Lucio de Marchi nesta terça-feira, depois da conversa que mantiveram na manhã desta segunda-feira, 16 de novembro.

Beto Lunitti disse estar lisonjeado com a deferência de usar a tribuna e disse ser um momento especial, cumprimentando o vereador e ex-candidato a vice-prefeito de Lucio de Marchi, Marcos Zanetti, além do ex-candidato a prefeito Albino Corazza e especialmente seu candidato a vice-prefeito, vereador Ademar Dorfschmidt. Lembrou as andanças de carro na campanha e as conversas mantidas em seus veículos e disse que conversamos sempre coisas boas, estando determinados e que “vamos cumprir”. Também disse que todos os que se elegeram, bem como os que não conseguiram, “têm o meu profundo respeito”.

Beto Lunitti disse que o embate político é próprio da disputa e desculpou-se se cometeu algum excesso, apontando que há um grande desafio para a futura legislatura. Também afirmou que

“não temos a mesma ideia, mas queremos trabalhar na diversidade, na convergência”, lembrando que Toledo em breve deve ter 150 mil habitantes e há uma grande responsabilidade com o município. Defendeu a atenção ao setor produtivo rural, ao setor produtivo urbano, seja pequeno comércio, indústria, pequeno serviço, pois todos têm que ter “a mão amiga da Prefeitura”, defendendo políticas humanas e políticas sociais, pois não justifica sermos um município economicamente forte e não darmos atenção à nossa gente.

Nas eleições de domingo, dia 15, sete candidatos disputaram o cargo de prefeito, todos com seus respectivos candidatos a vice-prefeito. Dos 19 vereadores, 15 disputaram a reeleição, sendo reeleitos oito.

O candidato a vereador mais votado em Toledo foi a atual vereadora Marli do Esporte, que obteve 1.621 votos, ou 2,30% do total, mas sua legenda, o PSB, não atingiu o número de votos necessário - o quociente eleitoral, resultado da divisão do total de votos válidos a vereador pelo número de cadeiras (19) na Câmara -, para ter direito a uma vaga. 

 

Os eleitos em Toledo em 15 de novembro

 

Prefeito e Vice-Prefeito -

Beto Lunitti e Ademar Dorfschmidt

  23.808 votos

Vereadores -

Genivaldo Jesus (Cidadania) - 1.289 votos
Professor Oseias Soares (PP) - 1.286
Genivaldo Paes (O Gabriel) (PL) - 1.189 votos
Valtencir Careca (PP) - 1.178 votos
Chumbinho Silva (PP) - 1.133 votos
Jozimar Polasso (PP) - 1.109 votos
Bozó da Borracharia (PSC) - 1.097 votos
Gabriel Baierle (DEM) - 1.053 votos
Marcelo Marques (Patriota) - 1.040 votos
Valdir Rosseto (PL) - 1.039 votos
Olinda Fiotentin (PSD) - 1.000 votos
Elton Welter (PT) - 952 votos
Pedro Varela (PP) - 909 votos
Geraldo Weisheimer (PL) 822 votos
Marly Zanete (PV) - 783 votos
Bisognin (MDB) - 735 votos
Gilson Francisco (Cidadania) - 659 votos
Dudu Barbosa (Republicanos) - 645 votos
Beto Scain (MDB) - 621 votos

Veja vídeo do prefeito eleito na tribuna na sessão da Câmara


error while rendering plone.comments