Primeira capela de Toledo recebe moção de aplausos pelos 65 anos

por Paulo Torres publicado 07/02/2019 11h58, última modificação 07/02/2019 11h58
No dia 04 de fevereiro foi realizada a primeira sessão ordinária da Câmara de Toledo, onde foi apresentada uma moção de aplausos pelos 65 anos da Capela São Miguel, através do Requerimento nº 2/2019. A capela está localizada no Distrito de São Miguel, sendo a primeira do município. Ela foi inaugurada em Toledo no dia 6 de janeiro de 1954. A capela já pertenceu à Paróquia Cristo Rei de Toledo, mas já fez parte também da Paróquia Nossa Senhora da Glória, de Quatro Pontes e da Paróquia Nossa Senhora das Graças, de Novo Sarandi, estando há 20 anos integrada à Paróquia São Cristóvão, da Vila Industrial.
Primeira capela de Toledo recebe moção de aplausos pelos 65 anos

Homenagem à capela pioneira de Toledo foi apresentada na sessão inaugural de 2019

 

 

No dia 04 de fevereiro foi realizada a primeira sessão ordinária da Câmara de Toledo, onde foi apresentada uma moção de aplausos pelos 65 anos da Capela São Miguel, através do Requerimento nº 2/2019.

A capela está localizada no Distrito de São Miguel, sendo a primeira do município. Ela foi inaugurada em Toledo no dia 6 de janeiro de 1954.

O documento apresenta uma parte da história da capela. O início das construções e abertura da área da primeira capela naquela comunidade se deu em 17 de outubro de 1952, mesmo ano da emancipação de Toledo. Logo, esta comunidade católica se formou antes mesmo da criação da Diocese de Toledo, que neste ano comemora o seu jubileu, completando 60 anos de criação.

A capela já pertenceu à Paróquia Cristo Rei de Toledo, mas já fez parte também da Paróquia Nossa Senhora da Glória, de Quatro Pontes e da Paróquia Nossa Senhora das Graças, de Novo Sarandi, todavia, no presente ano completa 20 anos de anexação à Paróquia São Cristóvão, da Vila Industrial.

“Este Legislativo, junto à comunidade toledana e seus distritos, congratula-se pela missão honrosa desta comunidade, e também celebra as tradições e a atividade rural do povo toledano”, aponta o Requerimento nº 2/2019. O documento foi assinado pelos vereadores Renato Reimann, Ademar Dorfschmidt, Airton Savello, Antônio Zóio, Corazza Neto, Gabriel Baierle, Janice Salvador, Marcos Zanetti, Marli do Esporte, Olinda Fiorentin e Valtencir Careca.

error while rendering plone.comments