CPI da obra do HR reúne-se para apresentação do relatório final

por Paulo Torres publicado 20/11/2018 13h14, última modificação 20/11/2018 13h14
A Comissão Parlamentar de Inquérito que trata das denúncias em torno da obra do Hospital Regional de Toledo realiza reunião ordinária nesta quarta-feira, dia 21, às 9h, na Câmara de Toledo. A pauta prevê a apresentação do relatório final pela CPI, conforme decisão tomada em reunião no dia 26 de outubro, pela maioria dos membros. O prazo para apresentação do relatório pela relatora Janice Salvador foi proposto pelo presidente Walmor Lodi para 21 de novembro e aprovado por unanimidade dos presentes.
 CPI da obra do HR reúne-se para apresentação do relatório final

CPI da obra do Hospital Regional de Toledo durante reunião em 6 de junho

A Comissão Parlamentar de Inquérito que trata das denúncias em torno da obra do Hospital Regional de Toledo realiza reunião ordinária nesta quarta-feira, dia 21 de novembro, às 9h, na Câmara de Toledo. A pauta prevê a apresentação do relatório final pela CPI, conforme decisão tomada em reunião no dia 26 de outubro, uma sexta-feira, pela maioria dos membros. O prazo para apresentação do relatório pela relatora Janice Salvador foi proposto pelo presidente Walmor Lodi para 21 de novembro e aprovado por unanimidade dos presentes. Participaram os vereadores Walmor Lodi, Janice Salvador e Gabriel Baierle, enquanto Ademar Dorfschmidt e Antônio Zóio não compareceram em função de compromissos anteriores.

A CPI das denúncias em torno da obra do Hospital Regional foi solicitada pelo Requerimento nº 81/2018, que requer “instituição de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar denúncias apresentadas pela Auditoria instalada pela Portaria n° 529, de 2017, para verificar a execução do contrato e aditivos da construção do Hospital Regional de Toledo”. O documento foi apresentado na sessão da Câmara de Toledo do dia 30 de abril, subscrito por 16 vereadores, motivando a assinatura pelo presidente da Câmara Renato Reimann da Portaria nº 53, de 8 de maio, que designou os cinco integrantes indicados pelas seis bancadas e estabeleceu o prazo de 120 dias para seus trabalhos a partir da instalação. A CPI iniciou seus trabalhos no dia 30 de maio, quando escolheu em votação os nomes de Walmor Lodi como presidente e de Gabriel Baierle como vice-presidente. O presidente Walmor Lodi designou a vereadora Janice Salvador como relatora. A CPI é composta ainda pelos membros Antonio Zóio e Ademar Dorfschmidt.

Através da Portaria nº 124, de 25 de setembro, o presidente da Câmara de Toledo, Renato Reimann, atendendo o Requerimento nº 207, assinado pelos cinco integrantes da CPI e aprovado em 24 de setembro por todos os vereadores, prorrogou os trabalhos por mais 60 dias. Na prorrogação do prazo estavam previstos os últimos depoimentos e reunião de documentos.

error while rendering plone.comments