Moção destaca trajetória de servidor em 38 anos

por Paulo Torres publicado 30/05/2018 10h58, última modificação 30/05/2018 10h58
Foi apresentado na Câmara de Toledo o Requerimento nº 102, subscrito pelos 19 vereadores, que solicita moção de aplausos ao servidor público municipal Adalto da Silva pelos relevantes serviços prestados. O documento destaca a trajetória do servidor desde a entrada em 1980 na Serpatol-Serviço de Pavimentação de Toledo, encerrando-se no último dia 12 de abril, quando aposentou-se. Neste período enfrentou dificuldades desde sua origem, pois não conheceu os pais e foi criado por um cunhado, tendo chegado a morar numa caverna mas constituindo família que gerou três filhos.
Moção destaca trajetória de servidor em 38 anos

Moção ao servidor lembra dificuldades como a morada em caverna e foi apresentada na sessão de segunda-feira

 

 

Foi apresentado na Câmara de Toledo o Requerimento nº 102, subscrito pelos 19 vereadores, que solicita moção de aplausos ao servidor público municipal Adalto da Silva pelos relevantes serviços prestados. O documento destaca a trajetória do servidor desde a entrada em 1980 na Serpatol-Serviço de Pavimentação de Toledo, encerrando-se no último dia 12 de abril, quando aposentou-se na função de operador de máquinas, “após 38 anos de serviços prestados ao desenvolvimento do município”, conforme destaca o documento. Neste período enfrentou dificuldades desde sua origem, pois não conheceu os pais e foi criado por um cunhado, tendo chegado a morar numa caverna mas constituindo família que gerou três filhos.

Inicialmente Adalto atuava na antiga pedreira do município no carregamento e na operação de perfuratriz. Nessa época, logo após casado, foi morar numa caverna na própria pedreira com sua esposa. As dificuldades enfrentadas foram grandes e incluíram cuidar sozinho dos três filhos por uma década, “causando muita admiração pelos seus conhecidos”, assinala o documento dos vereadores.

O Requerimento nº 102 assinala ainda ser impossível descrever com palavras o anseio de seus amigos para homenageá-lo, apontando porém que isto é “muito merecido pela pessoa que é, e, como servidor público, seus serviços prestados ao Município de Toledo”. Neste sentido o documento dos vereadores destaca a forma singela e memorável da moção de aplausos, “face a este homem guerreiro e trabalhador, por tudo que representa”.

O Requerimento nº 102 é subscrito pelos vereadores Pedro Varela, Ademar Dorfschmidt, Airton Savello, Antonio Zóio, Corazza Neto, Edmundo Fernandes, Gabriel Baierle, Genivaldo Paes, Janice Salvador, Leandro Moura, Leoclides Bisognin, Marcos Zanetti, Marli do Esporte, Marly Zanete, Olinda Fiorentin, Renato Reimann, Vagner Delabio, Valtencir Careca e Walmor Lodi.

 

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.