Câmara aprecia duas homenagens dos 67 anos de Toledo

por Paulo Torres publicado 13/05/2019 11h55, última modificação 16/05/2019 16h24
A Câmara de Toledo começa a apreciar a partir desta segunda-feira, dia 13, duas propostas de homenagens que devem ser entregues por ocasião das comemorações do 67 anos de emancipação de Toledo. Foram incluídas na pauta da sessão ordinária o Projeto de Lei nº 72, da Mesa Diretora, que concede o Título de Cidadão Honorário do Município de Toledo a Arnulfo Engel e o Projeto de Resolução nº 10, também da Mesa Diretora, que outorga Medalha Willy Barth a Ademir José Fiametti.
Câmara aprecia duas homenagens dos 67 anos de Toledo

Ademir Fiametti com o presidente da Câmara Antônio Zóio e o vereador Albino Corazza na entrega dos dados de sua biografia para a proposição da homenagem

 

A Câmara de Toledo começa a apreciar a partir desta segunda-feira, dia 13 de maio, duas propostas de homenagens que devem ser entregues por ocasião das comemorações do 67 anos de emancipação de Toledo, em 14 de dezembro. Foram incluídas na pauta da sessão ordinária desta segunda-feira o Projeto de Lei nº 72, da Mesa Diretora, que concede o Título de Cidadão Honorário do Município de Toledo a Arnulfo Engel e o Projeto de Resolução nº 10, também da Mesa Diretora, que outorga Medalha Willy Barth a Ademir José Fiametti. As proposições foram incluídas no Pequeno Expediente e após sua leitura na sessão serão despachadas pelo presidente Antônio Zóio às Comissões Permanentes para sua apreciação inicial.

Arnulfo Engel nasceu em Piritiba, SC e após trabalhar na roça até os 22 anos, veio para Toledo em 1971, fixando residência no Jardim Bressan, onde reside até hoje. Atuou na Frigobrás Sadia de 1971 até 1996, quando se aposentou. Casou-se no ano de 1972 com Marlene Engel, é pai de 3 filhos e avô de 4 netos, tendo o neto mais velho se formado em medicina pela Unioeste. Durante todos esses anos, Arnulfo Engel prestou serviços voluntários na comunidade do Jardim Bressan, desde a fundação da igreja católica, construção de colégios, campo de futebol, associação de moradores e ginásio de esportes e até hoje exerce cargos na igreja católica e na associação de moradores. Criou e atuou em uma empresa de transporte rodoviário na qual prestava serviços no transporte de ração, trabalho hoje exercido por seu filho, Jairo Engel.

Já Ademir José Fiametti é natural de Concórdia, SC, onde nasceu em 1956 como o mais novo de 5 irmãos. Formou-se em Pedagogia pela Apec (1980), com especialidade em Gestão de Pessoas pela Unioeste (1991). Seu pai era agricultor, e se mudou para Toledo em 1966, passando a residir na Vila Industrial. Com 14 (catorze) anos de idade ingressou na Sadia como ajudante de eletricista e aos 15 anos foi mandado estudar no Senai de Curitiba, onde após 3 anos e formou-se eletricista, retornando a Toledo e trabalhando por um período na Sadia. Em 1976, prestou concurso para instrutor do Senai e ingressou como funcionário, trabalhando por algum tempo em Curitiba, transferindo-se depois para Cascavel. Em 1979, casou-se com Ivanilda Rodrigues dos Santos Fiametti, constituindo uma família da qual tem 3 filhos. Em 1986 veio para Toledo, onde assumiu a direção da Escola de Formação - Senai, e permaneceu na direção por 31 anos, se aposentando em 2017 após mais de 40 anos de serviços prestados à instituição. Ao comemorar 30 anos a unidade do Senai de Toledo contabilizava a formação de aproximadamente 140 mil alunos. Atualmente Ademir Fiametti mora com a esposa, no interior de Toledo, em Linha Mandarina.

 

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.